Ocorreu um erro neste gadget

01 junho 2010

GRANDES MESTRES DA PAZ 3

VOCÊ, É UM GRANDE MESTRE DA PAZ!


Amigos, companheiros de aprendizagem em busca da construção da cultura da paz, tenho algo muito sério para lhes comunicar!

Penso que desta vez e mais do que nunca, torna-se importante neste momento de caos e de violência generalizada em que nos encontramos, poder falar que Eu, Você e cada um de Nós poderemos contribuir com este tão necessário e grande desafio que é a busca para uma vida mais harmoniosa e pacífica.  
Paz nao é utopia, é uma luta (exercício) diário, uma aprendizagem possível de ser realizada por todos nós. Você nao precisa ser um Jesus ou um Gandhi  da vida para ser um pacifista, basta apenas ter coragem e vontade de tranformar com o tempo as velhas formas de viver e assim buscar novas formas de convivência consigo, com o próximo e com o planeta!

VOCÊ É UMA POTÊNCIA DE PAZ!

Digo isso, porque segundo Assagioli-Mesquita, a paz se encontra dentro de cada um de nós, no núcleo do nosso Ser. Portanto, este Ser Maior que vibra em paz e em nós mesmos, só podera ser reconhecido pela nossa consciência, se aprendermos a estar em estado de paz, em todos os níveis (fisico, emocional e mental) através da harmonia interior.
A superação da violência, acredito que só se dará quando Você tiver inicialmente consciência da paz no nível pessoal, que é contato consigo mesmo, por isso precisamos ter em mente que as  pessoas simples, como cada um de nós (mas de bom coração) é que  poderão transformar esta lamentável situação, porque acreditamos que  a paz e possível, bastando apenas termos coragem de aprender  e de lutar contra as nossas paixões inferiores e nossos comportamentos violentos e substituírmos por outros mais elevados.
Depois, claro que concomitantemente, a paz no nível social, onde Você só aprenderá  a viver a paz no contato com o outro; Com seus familiares, amigos, vizinhos, inimigos... aprendendo a amar, a dialogar, a conviver, a respeitar, a tolerar, a perdoar, a compartilhar...E também empreendendo alguma bandeira social que expanda a reflexão, o apoio e a necessidade de se viver a paz. 
E enfim, a paz no nível ambiental, onde Você  precisa aprender a cuidar deste lugar que  é nosso e que ao mesmo tempo somos nós mesmos,  é preciso que cada um  se reconheça como parte integrante das plantas, dos animais e dos minerais. Precisamos deles para sobreviver, e eles precisam do nosso cuidado para que continuemos e  a Terra tambem continue caminhando bem no seu processo evolutivo.
Somos Potências de Paz, porque o calculo é de potência, neste momento é preciso somar e não mais diminuir nossas vibrações pacíficas. Ainda segundo os mesmos autores, apesar do estado em que se encontra (expurgação), a Terra já vibra na energia da paz, por isso é preciso urgentemente potencializar nossos  recursos evolutivos no nível da paz, por isso faz-se necessário trabalhar (ação) e nao  mais se acomodar (muitos de nós ainda temos a idéia errônea de paz como símbolo de acomodação, sombra e água fresca, apatia...) para que a potência da paz ganhe vitória.
Não podemos mais deixar o mal e a violência tomar conta de tudo, atropelando as nossas vidas e às daqueles que amamos.
Como bem disse Martin Luther  King:   "O que mais preocupa não é o grito dos violentos, nem dos corruptos, nem dos desonestos, nem dos sem ética. O que mais preocupa é o silêncio dos bons." Esta é uma grande verdade, nós que somos pessoas do bem e que almejamos uma vida pacífica, não podemos mais negligenciar a paz e fechar os olhos para esta triste realidade em que vivemos e achar que tudo está bom e que a vida está boa.
Então, que Você e  todos nós, neste exato momento, reflita em como responsabilizar-se e  comprometer-se para fazer cada um e em que puder a  nossa  parte. Em nossas pequenas, porém grandes ações; somando, multiplicando e potencializando cada comportamento, atitude, proposta, intenção... de paz e só assim conseguiremos com muita força e energia proativa banir ou senão pelo menos diminuir a violência e consequentemente construirmos juntos um mundo em paz!

Vamos lá , companheiros em busca de um mundo melhor, não podemos mais ficar de braços cruzados, o tempo urge...! Trabalhem, pois, bem aventurados serão os pacíficos! A Terra, Eu e cada um de Nós agradecemos a Você pela colaboração!
 

Um comentário:

marconocaminho disse...

Jai,

A verdadeira paz para mim chama-se consciência. E ser consciente hoje em dia, aliás, sempre será doloroso, porque falamos da veracidade nos nossos atos, sem dicotomia. Ação é fundamental. Parabéns por ser mais um a movimentar essa energia.

Marco Martins