Ocorreu um erro neste gadget

20 julho 2011

REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA DA PAZ 2


Neste livro a autora discute as formas de enfrentamento dos conflitos - inevitáveis no convívio humano - mas que podem ser trabalhados por meios não violentos. Saber usar bem o instinto da agressividade, canalizando-o para atividades construtivas, estimular a "escuta sensível", a capacidade de fazer acordos pelos recursos da comunicação são maneiras de nos ajudar a superar os aspectos perversos de uma sociedade individualista e centrada no lucro e no consumo progressivo.

Com sua experiência em Psicologia da Família, a autora analisa as diversas formas da violência, bem como discute as maneiras de cortar o mal pela raíz ou, diante do problema instalado, quais seriam os caminhos para reverter seus efeitos perversos.

Aprender a construir a paz é um desafio que depende do esforço do estado, da sociedade civíl e de cada cidadão em particular. Só assim poderemos cuidar melhor de nós mesmos, dos outros e do ambiente.

Boa Leitura!

Muita paz

Nenhum comentário: