Ocorreu um erro neste gadget

20 janeiro 2012

PAZ, RESPEITO E TOLERANCIA RELIGIOSA


Sem respeito a dignidade humana e tolerância com as diferenças sejam elas: religiosa, sexual, socioeconomica, etnico-racial, de genero... dificilmente iremos construir um mundo com e em paz!

Necessitamos refletir sobre a importância da unidade na diversidade, porque a paz se aprende justamente nas adversidades; Deus nos fez diferentes, porem, nos deu o parentesco de irmandade, ou seja, de irmãos em Humanidades para que fosse garantida a nossa igualdade perante o oceano de sua Onisciência.

Na realidade, o que vemos é o contrário, irmãos em total estado defensivo, combatendo uns aos outros, prestes a criar uma guerra religiosa, ao invés de se amarem como o Mestre Jesus e muitos outros icones religiosos orientais e ocidentais nos ensinaram.

Deus é visto como se fosse diferentes Deuses, um para cada instituição religiosa, sendo que o mais contraditorio e que todos pregam um Deus Único; Mas, na convivência com os diferentes grupos religiosos, podemos observar que o que prevalece são os dogmas instituicionais e não o Amor que realmente nos une e que já deveriamos ter aprendido

Falta a todos nós a vivência do que mais interessa no processo religioso, que é a vivência dos valores ético-morais  para que assim aprendamos a ser mais fraternos e solidários uns com outros e não mais egoístas, ignorantes e alienados.

Penso que nós, só aprenderemos  a ter consciência religiosa e a viver a paz com as diferentes formas de  buscar e contactar Deus, no dia em que aprendermos a ter consciência espiritual e compreendermos que somos Espíritos vivendo uma realidade material; Que possuímos uma essência divina, com todo o potencial para a evolução na senda do bem, do amor, da paz, do belo, da verdade, da caridade, da justiça... a espera de ser despertada e vivenciada.

Deus é Único e é o nosso Pai Maior, somos os teus filhos, muitas vezes rebeldes, mas,  Ele nos ama como somos, independente da forma como O buscamos e O encontrarmos.

Necessitamos orientar nossos educandos e nossos irmãos em Humanidades que Deus está dentro e não fora, e que nenhum processo religioso deve ser  mais importante  que Ele; ajudá-los a percber que  nossas ações, pensamentos e sentimentos devem refletir os seus ensinamentos e só assim conseguiremos respeitar e tolerar as diferenças.

Participe de algum movimento em sua cidade e colabore com a Paz no mundo!

Muita paz para todos nós, definitivamente irmãos em Humanidades!

Um comentário:

Anônimo disse...

gostei muito e concordo com tudo que esa declarando ai preconseito existe sim mais paz tambem existe mais muitas pessoas nao ten conciensia no que faz e do que fala